6 de dezembro de 2021

Globo tem que estar “arrumadinha” para renovar concessão, diz Bolsonaro

Hits: 4

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (22) que a TV Globo terá que estar “arrumadinha” caso queira renovar sua concessão pública – que vence em outubro de 2022. O chefe do Executivo diz que não haverá “perseguição”, mas pede à empresa que apresente suas “certidões negativas”. “A Globo tem um encontro comigo no ano que vem. Encontro com a verdade. […] É igual parada matinal [do quartel]. Tem que estar arrumadinho.  Qualquer empresa”, disse o presidente a apoiadores no Palácio do Alvorada. A declaração foi transmitida por um canal bolsonarista no YouTube. Em novembro de 2019, Bolsonaro já havia ameaçado a concessão da emissora carioca. Afirmou que a empresa faz um “jornalismo sujo” e que teria que pagar “tudo que deve” para continuar no ar. Em abril de 2020, voltou a criticar a empresa. No aeroporto de Cascavel, no Paraná, em fevereiro deste ano, levantou uma placa escrito “Globo lixo”. No início de novembro foi mostrado através da imprensa que grandes empresas de TV devem R$ 448 milhões ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A dívida dobrou desde janeiro de 2020, última vez do levantamento. Os dados foram obtidos via Lei de Acesso à Informação. A RedeTV! é quem mais deve: R$ 170 milhões. Globo, em 2º lugar, deve R$ 138 milhões. O único dos 5 grandes sem dívidas com a Previdência é o SBT. No Brasil, as emissoras de rádio e TV são concessões públicas. A autorização para operar tem de ser renovada a cada 10 anos, em caso de rádios, ou 15 anos, no caso de TVs. Quem toma essa decisão é o presidente da República, mas o Congresso pode optar por derrubar a decisão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *